8.6.18

CHō Street Food: uma viela asiática em Curitiba

teto de estabelecimento com luminárias de papel - Cho Street Food

A comemoração do meu aniversário neste ano foi bem discreta, mas nem por isso menos gostosa: afinal, se não tem comida boa, não tem festa (taurinos, me add), né?! Levando meus pais debaixo do braço - estou tentando imaginar a cena, haha 😂 -, aproveitei a oportunidade para conhecer um novo espaço de inspiração asiática aqui em Curitiba: o CHō Street Food! ✨

decoração asiática com reflexo de luminárias de papel - Cho Street Food

luminárias vermelhas de papel japonesas - Cho Street Food

O CHō (que se pronuncia como "tchô") foi inaugurado em março deste ano e se juntou aos vários barzinhos do Shopping Hauer, espaço que, aos poucos, tornou-se um grande polo gastronômico da cidade. Segundo o que li, a decoração foi toda pensada para remeter ao ambiente de barzinhos e tendas de comida de rua típicos do Japão, China, Tailândia e Coreia, sem abrir mão de uma atmosfera jovem e descontraída. 🕺

tábuas suspensas com cardápio do estabelecimento - Cho Street Food

ambiente interno do estabelecimento - Cho Street Food

Quando entramos, foi difícil parar o olhar num ponto só, pois tinha muitas coisas legais em volta: os painéis suspensos sobre o caixa, contendo praticamente todo o cardápio; as paredes desenhadas com referências a elementos da cultura japonesa; as tábuas personalizadas das mesas; os desníveis curiosos da arquibancada; as tantas lanternas de papel que iluminavam o local de forma aconchegante... Até mesmo a música-ambiente nos ajudava a imergir numa viela pelas ruas de Tokyo, vez que o repertório era pop japonês (e, com isso, já me conquistou, haha 💘).

ambiente interno do estabelecimento - Cho Street Food

divisor de tecido (noren) vermelho na entrada - Cho Street Food

Não espere encontrar lamen ou sushi fatiadinho, pois a vibe é outra por lá: mais próximo dos izakayas, as porções ou unidades são generosas e feitas para pegar com a mão. ✌️ É difícil eleger qual é o prato-chefe da casa, mas o título deve se dividir entre os baos (sanduíches feitos com pão chinês cozido a vapor - conhecido como nikuman, em japonês), as robatas (espetinhos grelhados de carne ou legumes) e os sushi bombs (um senhor "burrito" de makizushi).

Nessa visita para sair da virgindade (haha), prestigiamos o bao de costela, os dedos de porco e os croquetes de camarão. Tudo estava uma delícia: empanados crocantes, tudo quentinho, suculento e muito bem temperado! 😋 Para beber, tomamos um drink muito gostoso que estava estreando no cardápio, feito de sidra, gin e maçã. 💙

porções de croquete de salmão, dedo de porco e bao de costela - Cho Street Food

Aliás, as bebidas são outro mega atrativo do CHō: além dos drinks, eles servem a "gengibera", a cerveja de gengibre, e também o tal do "sakebomb" - a brincadeira é colocar um shot de sakê em hashis deitados sobre um copo de cerveja pilsen e bater na mesa com a galera para o copinho cair e fazer o serviço da mistura para você! 🍻

dois drinks de gin, cidra e maçã - Cho Street Food

Não pudemos conferir todas as atrações do CHō nesta primeira visita, mas já recebi o convite para voltar mais vezes e estou muito ansiosa pela chance de experimentar todo o cardápio - e de tirar fotos melhores, que façam jus ao capricho e à gostosura dos pratos! Haja elástico na calça, haha! 😂

detalhe de parede desenhada do estabelecimento, com referências japonesas - Cho Street Food

adesivo personalizado com texto "nossas lixeiras adoram lixo - obrigado!" - Cho Street Food

estátua da cabeça do Ultraman - Cho Street Food

decoração japonesa com carpas estilizadas penduradas (tsurushi kazari) - Cho Street Food

▼▼▼

CHō Street Food
Rua Comendador Araújo, nº 891 (Shopping Hauer) - loja 6 - Batel
Tel: (41) 3149-0739

▼▼▼

Obrigada por me acompanhar em mais este rolê de Curitiba! 🙇

O que achou? Gostaria de ver algum lugar em especial?
Por favor, deixe seu recadinho nos comentários! 🤗

3 comentários

  1. Ohayou, Karupin! Primeiro, feliz aniversário atrasado.
    Segundo, eu vi as fotos no Insta, achei muito bacanas, bem coloridas e o ambiente me fez lembrar mesmo os izakayas do Shitamachi de Tóquio (Shitamachi = sinonimo de parte "velha" da cidade), meio kitsch, meio showappoi, mas o ambiente vale o investimento e boa comida e boa bebida.
    Quando eu trabalhava em Tóquio, íamos num izakaya meio caidinho mas de boa referência quase toda sexta. A comida era farta, o atendimento bem familiar e, de tanto que a gente batia ponto, o tencho (gerente) dava um pitcher de cerveja na faixa.
    E pelo cardápio, o Cho Street Food foge MUITO dos lamens e sushis da vida, oferecendo o que izakaya tem de bom e melhor e muito mais.

    Beijao!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hoe, Kiyomi-chan! Tudo bem? :)

      Nem se preocupe, flor! Demo arigatou, haha ♥

      Ah, quando você confirma essas referências in loco, só alimenta esse bichinho aqui dentro, cheio de vontade de conferir tudo com meus próprios olhos, aiai! ♥ E izakayas que oferecem comida farta e coisas na faixa já são meus favoritos, haha!

      Aliás, depois eu tenho de te mostrar a placa "cordial" de um izakaya daqui de Curitiba... Espero me lembrar disso alguma outra hora, haha!

      Sempre grata pelas suas visitas, flor!
      Beijos~

      Excluir
  2. Nossa, meu tipo de lugar! Comidinhas (e bebidinhas) deliciosas, ambiente bonito, clima oriental... amei. Feliz aniversário Karupin, que o seu "ano novo" seja maravilhoso!!! <3

    ResponderExcluir

@subindonolustre no Instagram

© Subindo no Lustre. Design by Fearne.