Intelli-kun no Koiyamai
Lançamento: 27.02.2014
Elenco: Ono Yuuki×Nojima Hirofumi
Download: doramabaka.info

Resumo


Embora seja muito inteligente, empenhado e estudioso, Saeki (CV: Nojima Hirofumi) está em seu primeiro dia como faxineiro terceirizado numa empresa de executivos. A princípio, pode parecer estranho, mas os esforços que realizou em empregos anteriores acabaram deteriorando demais a sua saúde, tendo de entrar num serviço menos complexo.

Contudo, o que mais temia aconteceu: Saeki encontra Matsunaga (CV: Ono Yuuki), um colega de faculdade com quem se dava muito bem, mas que acabou perdendo contato após se formarem; hoje, o colega era um dos executivos da empresa onde Saeki era terceirizado. A situação em si parecia muito humilhante, mas a oportunidade de conversar e beber com um amigo de longa data deixa Saeki muito confortável, tanto que cai bêbado e cabe a Matsunaga levá-lo para casa. O que talvez não se contava era que as coisas saíssem do controle e Matsunaga avançou o sinal com Saeki.

No dia seguinte, Matsunaga começa a assediar sexualmente Saeki durante o expediente. Sem aguentar mais, Saeki responde com violência e acaba demitido pela empresa de limpeza em menos de três dias de trabalho, já que ameaçou o contrato terceirizado. Matsunaga fica apavorado com a ideia de que Saeki desapareça de sua vista novamente e o obriga a ir até a sua casa, onde é mantido preso à cama, em cárcere privado.

Minha Opinião


Na verdade, com o desenrolar da história, percebe-se que Matsunaga e Saeki são personagens dignos de pena: Matsunaga se apaixonou por Saeki na época da faculdade, mas ficou desolado quando se formaram e perderam completamente contato - "minha presença era assim tão insignificante para ele?", era o que pensava. Com o passar dos anos, achava que conseguiria esquecê-lo, mas o reencontro com Saeki fez todos os sentimentos despertarem de supetão, ao ponto da obsessão.

Saeki, por sua vez, sempre teve uma baixa autoestima e não acha que tenha habilidade maior que estudar. Por essa razão, saber que Matsunaga o deseja tão desesperadamente parece preenchê-lo, completá-lo com novas experiências. A princípio, eu achei que Saeki estava passando pela Síndrome de Estocolmo, mas ele não parece ter consciência, em momento algum, de que Matsunaga seja uma ameaça, nem necessariamente cria empatia ou nutre amor por ele baseado em algum temor pela sua vida.

Confesso que tenho sentimentos confusos por esse Drama CD, pois me arremeteu a histórias com parceiros yandere e seus finais bons e ruins... No caso, Intelli-kun no Koiyamai parece a representação de um roteiro bom, mas o desespero de Matsunaga sempre está à espreita. Saeki é ingênuo demais e, até o final da história, sequer cogitou que sua vida ou integridade pudesse estar em jogo; isso é triste, já que qualquer ato seu mal interpretado por Matsunaga pode até significar a sua morte - ao menos, foi assim que entendi a sua versão da história. Se cuida, Saeki-kun.

Referências


Seme | Matsunaga (CV: Ono Yuuki)
Chikage Rokujo (Durarara!×2 Shou), Kuroda (Hybrid Child), Kagami Taiga (Kuroko no Basket);

Uke | Saeki (CV: Nojima Hirofumi)
Iwai Takuto (Gakuen Heaven), Fenrir (Matantei Loki Ragnarok), Hattori Yujirou (Bakuman).

27.2.15

BLCD: Intelli-kun no Koiyamai


Gosan no Heart
Lançamento: 25.02.2013
Elenco: Hatano Wataru×Matsuoka Yoshitsugu; Shingaki Tarusuke×Okitsu Kazuyuki
Download: doramabaka.info
Leia online ("Gosan no Heart"): Mangago
Leia online ("Owaranai fukou ni tsuite no hanashi"): Mangago

Resumo


Nessa estória, Miki é um dos garotos mais populares entre as garotas e ele é bastante recíproco às suas investidas, estando sempre disposto a fazer sexo, mas nunca a realmente se envolver com alguma de suas pretendentes. Em mais um dia na companhia delas, ele acaba no meio da conversa em que Udou desfaz o relacionamento com a sua namorada. Chateado com a persistência da garota e interessado nesse novo personagem, Miki interfere e declara que Udou era seu homem agora. Considerando que provavelmente a ex não desistiria de forma tão fácil, Miki propõe que eles namorem de verdade e, assim, ele se tornaria seu escudo em eventuais constrangimentos, pelo menos até Udou encontrar alguém que realmente goste. Os boatos correm rápido pela escola, e a proposta também acaba caindo bem para Miki: o parceiro inusitado quebrou sua monotonia e o hábito de Udou de mimar vai ao encontro da sua natureza carente, egoísta e mimada. Contudo, Miki fica surpreso e assustado na sua primeira vez com Udou, pois, embora tivesse transado com inúmeras meninas, parecia uma virgem insegura, frágil e fascinada sob os braços do rapaz. Tentando fugir dessa confusão que borbulhava desde a experiência, Miki tenta recorrer aos velhos hábitos, mas tudo parece em vão quando Udou se aproxima, afinal já era tarde: esse sentimento incrível e inédito para Miki era paixão.

Ainda, há uma side story, chamada "Owaranai fukou ni tsuite no hanashi": trata-se do relacionamento mal resolvido entre o irmão mais velho de Udou, Takayuki, e seu antigo colega do clube de basquete do colegial, Kiyotake, pelo qual estava secretamente apaixonado, mas havia desistido de se declarar ao constatar o que este realmente gostava - um dos maiores jogadores do time nunca se equipararia a garotas pequenas e frágeis de cabelo comprido, era o que pensava. Ao mesmo tempo, diante da insuportável ideia de vê-lo com outra pessoa, Takayuki roubou a sua garota e, sem poder revelar a real razão para isso, afirmou que o fez apenas porque quis. O desentendimento, então, perpetua-se por anos até comparecerem a um reencontro de colegas da época e Takayuki ter acesso livre a um Kiyotake bêbado e desacordado em seu carro.

Minha Opinião


O lançamento deste Drama CD foi anunciado na segunda metade do ano passado, mas sem data definida, me deixando bolada sobre quando isso ocorreria até meados de dezembro. Por essa razão, acredito que fiquei mais ansiosa do que deveria quando comecei a escutar, afinal não se trata de uma obra tão envolvente de fato, embora seja uma das poucas que eu goste vindo da Ogawa Chise-sensei. Também não sou muito chegada na interpretação do Matsuoka-kun, então creio até que fiquei mais feliz com a side story do que com a principal, o que é um tanto decepcionante... −_−;)

25.2.15

BLCD: Gosan no Heart


Este post é um agrado que faço para uma amiga querida. Numa conversa que tivemos no finalzinho de 2014, estávamos falando sobre figures, até que ela mencionou que gostava da voz do Makoto do anime "Free!" - é, aquele cheio de bishounen com físicos de monumento grego fazendo natação. Eu, no alto da minha sabedoria inútil por seiyuus, afirmei que ele, Suzuki Tatsuhisa, já tinha participado de vários BL Drama CDs; ela surtou.

Assim, me propus a fazer uma relação das preciosidades em que Tattsun faz personagens na "posição" que minha amiga entende ser mais apropriada para o Makoto: seme (ativo). Apenas lamento o fato dele ainda não ter trabalhado com o seiyuu do Haru (Shimazaki Nobunaga), muito embora este também já tenha experiências com os BLCDs...

Uma observação: não consegui encontrar algum trabalho no qual o Tattsun use um tom de voz semelhante ao do Makoto e seja seme; talvez o mais próximo seja o Okimura de "Aozora no Kimochi -Susume-", mas somente nos momentos em que está todo derretido pelo Shizuru. Eu também recomendaria "Kanben shitekure", mas apenas no caso de se fantasiar com um lado yandere do Makoto - e tem doujinshi assim. ;)

26.12.2008
愛の言葉も知らないで Suzuki Tatsuhisa×Mizushima Takahiro

23.07.2009
勘弁してくれ Suzuki Tatsuhisa×Kondou Takashi 20.11.2009 { Tight Rope }
Suzuki Tatsuhisa×Tachibana Shinnosuke
Download: Yaoi Night
Leia online: Mangago

Ryuu é o sucessor direto da quinta geração do grupo Oohara, uma família yakuza muito tradicional e temida na região. Contudo, justamente quando os membros estão preocupados com a saúde do atual chefe, Ryuu se nega a suceder na posição: ele diz que quer ser um maquinista, mas é uma bela de uma desculpa esfarrapada para se tornar um civil normal e poder, assim, ficar junto com Nao, seu amigo de infância pelo qual é apaixonado há muito tempo, mas não faz parte realmente dos Oohara. Como Ryuu sempre segue o que Nao lhe diz, mesmo o que é apenas força de expressão - quando Nao lhe disse para morrer, ele quase se jogou do terraço da escola -, os membros da gangue recorrem a ele para convencê-lo a ser o próximo chefe yakuza.
 Apesar de Nao saber dos sentimentos de Ryuu e deixar que ele o beije, essa é a linha-limite que traçou para o relacionamento entre eles. Nao também é mais forte e habilidoso que Ryuu na briga e consegue fazer este parar quando o sangue sobe à cabeça, mas ele sabe que representa um ponto fraco para alguém na posição de Ryuu. Embora sempre mantenha um poker face, sua maior insegurança e incerteza é continuar na sua companhia, visto que Nao mesmo não consegue mais ver um futuro sem Ryuu ao seu lado.

28.04.2010
{ Mousou Catalogue } 
Suzuki Tatsuhisa×Abe Atsushi 
Hatano Wataru×Takeuchi Ken

Download: doramabaka.info
Leia online: Mangago

Mikoto é um estudante do primeiro ano do colegial cujo namorado é um dos garotos mais populares de sua escola, Shinobu, o presidente do grêmio estudantil e seu veterano do segundo ano. Embora já faça um tempo que assumiram o relacionamento, de fato, eles não avançaram muitos estágios; para compensar, ambos guardam muitas e ousadas fantasias para si mesmos, porém não fazem ideia que um pense sobre o outro de tal forma: na cabeça de Shinobu, Mikoto é um uke fofo e pervertido, que não se satisfaz apenas com o "tradicional"; já para Mikoto, Shinobu toma as rédeas e é agressivo na cama, na rua, na chuva, na fazenda ou numa casinha de sapê.
 São essas fantasias que compõem a maioria dos capítulos/faixas, junto com desfechos engraçados devido à vergonha ou ao entusiasmo exarcebado com o que acabam de imaginar - desses desfechos, a parte que eu acho mais engraçada é quando Shinobu termina sua fantasia como rei das arábias e pesquisa freneticamente por passagens para Dubai (?).
Ambos escrevem todas as suas fantasias em diários na memória de seus celulares, mas o que acontece quando se confundem, trocam de aparelhos e descobrem seus respectivos registros secretos?

28.07.2010
{ Melancholic Mellow Mellow }
Suzuki Tatsuhisa×Mizushima Takahiro

Download: doramabaka.info
Leia online: Mangago

Nessa estória, temos Yuuta, um funcionário de uma loja de conveniências, que está abrigando Madoka, um kouhai dos tempos do colegial, em seu pequenino apartamento. Madoka costumava ser pequeno, educado e seguia tudo o que Yuuta lhe dizia. Hoje, o único aspecto que ainda se mantém é a altura: agora ele é um rapaz que não arranja um emprego decente, é desbocado, sempre reclama da comida que seu senpai faz e, bêbado, volta para casa a altas horas fazendo um escarcéu na porta de entrada. Apesar de não gostar disso, para a sua própria surpresa, Yuuta não o expulsa de sua casa. Tudo muda, contudo, quando, em mais uma noite de retorno tardio e escândalo com a campanhia, Madoka força Yuuta a fazer sexo com ele; depois desse episódio, as relações se tornam rotina, mas seu kouhai não lhe esclarece a razão de iniciar isso.
Com as reclamações dos vizinhos, a síndica entra em ação e adverte Yuuta que corre o risco de ser despejado caso tenha um novo morador no apartamento - caracteriza condição de contrato o compromisso de viver sozinho, em prol da ordem em condomínio de apartamentos tão pequenos - e, tão rápido é notificada a ameaça, Madoka sai de cena, sem dar notícias de seu paradeiro mais tarde. Essa saída tão ligeira, a falta de notícias, a fama de sair com várias garotas... Tudo, com o tempo, acaba por confundir e fazer Yuuta refletir sobre o que sente por Madoka e o que este deve sentir por ele.

28.11.2010
{ Aozora no Kimochi -Susume- }
Suzuki Tatsuhisa×Terashima Takuma

Download: doramabaka.info
Leia online: Disco 1 | Disco 2
*Obs.: a obra original é uma novela, então acima estão os links com a tradução precisa das faixas do BLCD, em inglês.

Shizuru é estudante de animação numa faculdade de design e paralelamente está construindo a sua carreira na Internet aos poucos, publicando vídeos curtos de animação sob o nick SIZ. Apesar de contar com alguns amigos e um talento promissor, seu passado o fez uma pessoa com baixa autoestima: no colegial, seu melhor amigo se tornou seu namorado, mas Shizuru sempre foi muito depreciado por ele diante da inveja que tinha de sua criatividade. Ao mudar-se para Tokyo, arranjou um novo namorado, mas este fez questão de mudar tudo sobre a sua aparência, pois adorava o seu corpo; quando se cansou de brincar com seu modelo, acabou com o relacionamento e o expulsou da casa onde moravam juntos. A fim de buscar reconhecimento pelo que era em vez de seu visual, adotou um estilo desleixado que o faz ser confundido com um otaku, por mais que não o seja de verdade.
Seu caminho se cruza com um estudante de moda da mesma instituição, Okimura, cuja beleza e o transparente fashionismo chamam muito a atenção, tanto quanto seu repúdio aberto por otakus. Mas isso tem um motivo: desde que entrou para a faculdade, é perseguido por um sujeito sombrio chamado Hirai, um até então hikikomori que o associa com um personagem de jogo online para o qual perdeu e desconta toda a sua frustração em mensagens e ligações nada amistosas. Contudo, quando, em decorrência de um transtorno promovido por Hirai, acaba descobrindo o talento de Shizuru, Okimura não apenas para de generalizar, como também se interessa muito pelo aspirante a animador. Aos poucos, a sinceridade e a perspicácia de Okimura conquistam o coração de Shizuru, mas estaria ele pronto para largar as inseguranças do passado para embarcar num novo amor?

28.12.2012
≠ (ノットイコール)
Suzuki Tatsuhisa×Nojima Hirofumi

28.09.2014
あなたは怠惰で優雅
Suzuki Tatsuhisa×Kaji Yuuki

17.2.15

Seleção de BLCD ① - Suzuki Tatsuhisa

Há algum tempo, topei o desafio "101 things in 1001 days" e uma das metas que listei foi explorar, conhecer e escrever sobre locais de Curitiba que achei bacanas. Tenho certeza que, à época em que fiz isso, tinha em mente apenas falar sobre ambientes aconchegantes e comidinhas gostosas de restaurantes, confeitarias, cafeterias e bistrôs que por ventura fosse conferir. Ao mesmo tempo, sinto que, da forma como escrevi esse tópico, abri uma brecha para ampliar essa categoria e simplesmente falar de qualquer lugar dessa cidade que acabasse gostando, o que poderia incluir parques, museus, eventos, lojas, feiras etc.

Conferindo a mim mesma essa liberdade de escolha, resolvi iniciar um novo projeto no blog, uma tag chamada "Turista na própria cidade". Por mais que essa não seja uma expressão inédita, assim resolvi nomeá-la porque é assim que me refiro a mim mesma toda vez que me dou conta de que pouco conheço - ruas, praças, parques, bairros inteiros - da cidade para a qual tanto declaro meu amor. E olha que, embora não tenha nascido aqui, sou curitibana há uns quatorze anos!

Pois bem, para estrear este projeto, gostaria de falar de uma lojinha que visitei hoje mesmo, mas que estava na minha checklist desde o início do ano: a Moncloa Tea Boutique.

Loja Moncloa Tea Boutique, do Shopping Pátio Batel

Conheci a loja por meio de um vídeo da Gazeta do Povo (jornal local), gravado na própria loja da Moncloa, cujo tópico eram chás para limpar o organismo depois da farra das festas de fim de ano. Quem diria que teríamos uma loja em Curitiba que não tratasse os chás como um punhado de ervas a granel, mas sim como artigos de luxo? Pois é, a matéria mal acabou e já estava eu abrindo uma nova janela no browser, procurando pelo site da marca.


Mas o que é a Moncloa, exatamente? Trata-se de uma rede de lojas e franquias que oferece blends próprios de chás e infusões num ambiente aconchegante e atrativo. Um grande diferencial talvez seja a possibilidade de servir ao cliente o produto pronto para ser consumido, seja ele quente ou gelado, utilizando os aparatos vendidos na loja e ensinando na hora a forma adequada para prepará-lo; foi a experiência que tive na minha visita de hoje.

O serviço foi excelente e a atendente que me ajudou foi muito solícita ao me mostrar com toda a paciência do mundo os blends mais populares da marca, já que estava dando um pulinho por lá não apenas para sanar minha curiosidade, como também para comprar um presente de aniversário para uma amiga. Contudo, tenho como política saber que aquilo que pretendo dar a uma pessoa querida é bom, e ainda não sabia se esse era o caso da Moncloa. Se é pelo bem de todos, diga ao povo que vou experimentar! (quanto drama)

Escolhi o blend "Good Feelings", uma infusão essencialmente frutal: maçã, hibisco, groselha, laranja, rosa mosqueta, mamão, abacaxi, morango e framboesa. Não é uma delícia só imaginar tudo isso junto? Segundo o site, ela "hidrata e refresca! Perfeito para o bem-estar e para melhorar a digestão após comidas pesadas e fortes". Na verdade, eu comi muito pouco antes de ir ao shopping e estava morrendo de sede, dado o calor improvável que está fazendo em Curitiba. Por isso, vinha muito a calhar um chá gelado!

Aparatos em posição: vamos lá!

Interessante mesmo foi a hora de fazer o chá. Pensou que a atendente faria tudo? Pensou errado, pois aprenderá no ato! A atendente colocou na mesa um aparelho inédito para mim: um copo infusor (esse com tampa e braço na foto acima). Dentro dele estavam o chá e a água fervente - 200ml, a exatos 100ºC. Ainda recebi um copo altinho cheio de gelo e um timer que já tinha sido acionado nos fundos da loja, contando o tempo de infusão a partir do momento em que a tampa do copo infusor foi fechada.

Oito minutinhos cravados; it's show time! Conforme me orientaram, posicionei o copo infusor sobre o copo de gelo e, num passe de mágica, ele se abriu no fundo! Tomei um sustinho (que o pessoal da mesa da frente deve ter percebido e rido da minha ignorância) ao ver que o meu copo altinho sem graça se tingiu de um lindo tom avermelhado num piscar de olhos. O que mais me impressionou é que não demorou muito e a infusão já estava geladinha. Pode isso, Arnaldo?

Olha que vermelindo!

Resumindo, visitar a Moncloa foi uma experiência muito agradável, surpreendente e deliciosa! Aliás, depois das compras, continuei meu passeio pelo shopping com um gostinho docinho, agradável e refrescante na boca: um gostinho de quero mais. ♥

Moncloa Tea Boutique - Shopping Pátio Batel
Avenida do Batel, nº 1868 - Piso 3, Loja 310 - Batel
Tel: (41) 3020-3414
Site oficial: http://www.moncloa.com.br/
Facebook: https://www.facebook.com/moncloateaboutique/

10.2.15

Moncloa Tea Boutique

Mal começamos a saborear os primeiros dias de 2015 e o tanto de lançamentos previstos para este ano já está cortando as minhas tripas com espátula de passar manteiga, exigindo aquele rim que me restou de meados de 2014.

Divago que o Ministério da Saúde deveria dar advertências aos marinheiros de primeira viagem que se aventuram por um novo anime, porque esse sofrimento consumista devido ao vício faz muito mal para o coração. Algo como, "o Ministério da Saúde adverte: só comece a acompanhar este anime se você não for cardíaco e for RHYCOOOOOO. Obrigado, de nada".




1. Li Syaoran
Kotobukiya: coleção "ARTFX J"

2. Kinomoto Sakura, versão Battle Costume
Brapesto: coleção "Ichiban Kuji ~ Card Captor Sakura Atsumete Figure for Girls" SET D

3. Kinomoto Sakura & Li Syaoran
Brapesto: coleção "Card Captor Sakura Atsumete Figure for Girls 2"

4. Sailor Moon, Sailor Mercury e Sailor Mars
Brapesto: coleção "Sailor Moon Crystal Atsumete Figure for Girls 1"

5. Princess Serenity, Sailor Jupiter e Sailor Venus
Brapesto: coleção "Sailor Moon Crystal Atsumete Figure for Girls 2".

Observações

Item 1. É para glorificar de pé! Syaoran é "apenas" um daqueles personagens que eu tenho como preferidos, tipo, FOREVIS. Embora tenha lançado zilhões de figures da Sakura, a marca "Card Captor Sakura" nunca se dedicou a criar um figure digno para o meu Syaoran, então ver algo com esse nível de formosura me deixa muito emocionada, de verdade. O lançamento é em maio de 2015, e o preço é uma mega facada no bolso, mas enfim. Ele merece. ♥

Itens 4 e 5. Rá, me aguardem! Já é questão de honra adquirir figures de Sailor Moon e ser uma pessoa completa e digna desse meu vício. Da linha Crystal vocês não passam, gracinhas!

9.2.15

Vixelist: Figures ③

O Blog tem Instagram » @subindonolustre

© Subindo no Lustre. Design by Fearne.