Shinjou-kun to Sasahara-kun
Lançamento: 27.06.2013
Elenco: Yoshino Hiroyuki×Ono Yuuki
Download: doramabaka.info

Resumo


O estudante do colegial Sasahara Maki (CV: Ono Yuuki) é um típico otaku que prefere dedicar-se a mangás, animes e tecnologia em geral do que à trabalhosa tarefa de se relacionar com as pessoas. Ele atribui isso à sua indignação com o seu irmão mais velho, que, por mais desleixado e sem noção que seja, continua sendo muito querido e admirado. Maki se esforça ao máximo para não se envolver com esse tipo de pessoa, até o dia em que cai da escada na escola e outro colega vai ao chão junto. Esse é Shinjou (CV: Yoshino Hiroyuki), um rapaz de cabelos alaranjados que se enquadra direitinho naquele tipão que Maki detesta: bom só nos esportes, despreocupado e tão sem noção que não vê nenhum problema em ficar seguindo o otaku pela escola, por mais que não fossem da mesma turma.

Um dia, Shinjou pede ajuda a Maki para se declarar para o seu professor de biologia, pois julgou que os dois tinham aparência e interesses parecidos. No início, Maki é relutante porque os últimos dias têm sido um inferno na sua vida, mas acaba se rendendo à sinceridade de Shinjou e topa ser o seu "conselheiro amoroso".

Nesse meio tempo, eles se tornam amigos; porém, preocupado em manter essa relação inédita, Maki recorre a um site de busca - e no botão "Estou com sorte". Seguindo esse randômico recurso, o otaku coloca Shinjou em várias situações bizarras e constrangedoras para provarem sua amizade, tornando essa relação bem confusa para ambos. E quão confuso é isso? No nível "sabia que uma a cada duas pessoas beijam seus amigos?" Pois é.


Minha Opinião


Eu já tinha lido e gostado de "Samejima-kun to Sasahara-kun", a sequência principal de onde "Shinjou-kun to Sasahara-kun" tem origem, então tinha muitas expectativas com esse título. Fiz a leitura do mangá enquanto ouvia este Drama CD e achei uma história super coesa e também bem engraçada, combinação rara hoje em dia tratando-se de yaoi!

Isso tudo é graças à Koshino-sensei, que pode não ter o desenho mais bonito, mas compensa com uma trama bem desenvolvida e personagens retratados de uma forma interessante, embora ambientados nas situações mais cotidianas possíveis. A veia para a comédia também é super presente nos seus trabalhos, principalmente com reações histéricas, só que não tão fora da realidade assim - não foram poucas as vezes que me peguei pensando "poxa, eu reagiria assim mesmo" enquanto lia. Ah, mas tem mais uma coisinha que eu queria destacar dessa autora: ela não costuma deixar claro com seus traços quem está "predestinado" a ser o passivo ou o ativo na relação, o que deixa fácil a "inversão" das coisas na hora H que ela parece tanto gostar de colocar em seus trabalhos.

A dublagem também está de parabéns, porque conseguiram deixar tudo mais engraçado do que apenas lendo o original! Personagens como o Shinjou não são novidade nem grandes desafios no repertório do experiente Yoshino-san, então eu volto todo o destaque para a performance do Ono-san. Lá no Free Talk ele foi mega modesto, mas fazer o Maki não deve ter sido fácil, já que ele tinha de passar de uma indiferença completa com outras pessoas para uma histérica preocupação com o amor - e aqui se incluem passagens enormes faladas rapidamente! Otsukaresama, shinjin!

Referências


Seme | Shinjou (CV: Yoshino Hiroyuki)
Iwaizumi Hajime (Haikyuu!!), Tokai Hibiki (Vandread), Allelujah Haptism (Gundam 00);

Uke | Sasahara Maki (CV: Ono Yuuki)
Kuroda (Hybrid Child), Kagami Taiga (Kuroko no Basket), Chikage Rokujo (Durarara!! ×2 Shou).

27.6.14

BLCD: Shinjou-kun to Sasahara-kun

O Blog tem Instagram » @subindonolustre

© Subindo no Lustre. Design by Fearne.